sábado, 30 de julho de 2011

#Gatismo: Ipanema querida ♥


Eu ainda acredito em milagre. Acredito que o amor pode tudo. Acredito em Deus e no amor que ele tem por todas as suas criaturas. Acredito que nada é por acaso e que todos que passam por nossas vidas (pessoas ou animais) vêm para nos ensinar alguma coisa. Ipanema me ensina muito, a cada dia, e eu faço e farei tudo que estiver ao meu alcance para que ela fique bem.

Entendo que a gente "se escolheu", e isso deve ter uma razão maior. Naquele dia em que eu a vi numa gaiolinha na rua eu sei que ela também me escolheu. Só quem já passou por isso vai entender do que eu tô falando... Não é papo de maluco! rs

Há meses ela anda dodói e temos passado por um período bem difícil. Essa  doença que ela tem se chama PIF (quem quiser saber mais entra aqui) É difícil de ser diagnosticada porque não tem um exame específico... Os médicos vão por eliminação das outras doenças com sintomas parecidos e mais fáceis de diagnosticar com exames. PIF não tem cura, só cuidados e remédios que fazem com que o animalzinho se sinta melhor enquanto vivo... 

Tá sendo uma luta meus amigos, e sai caro também. Mas vou continuar lutando, sempre! Obrigada pelo carinho de todos que tem carinho (mesmo sem conhecê-la) e que torcem por ela. Muita gente não entende a gente ficar triste por "um simples gato". Acha que é exagero, frescura, coisa de gente sem noção... Quem tem ou já teve um animal de estimação em casa (o próprio nome já diz, é um animal estimado, querido...) entende do que eu tô falando. Ipanema é mais do que um animalzinho, ela é uma amiga... Minha companheira em casa, sempre muito querida, amorosa e alegre. Nos últimos tempos, tenho convivido mais com ela do que até com as pessoas da minha família. É acordar de manhã, falar com ela, e ela responder com um miado carinhoso. Gatos são animais muito especiais e carinhosos... São leais, amáveis e muito companheiros. E a Ipa é ainda mais especial. Quem conhece sabe.

Cuido dela com todo o amor e dedicação... Se mesmo assim ela partir, sei que ela cumpriu sua missão nesse planeta, e que enquanto esteve aqui teve amor e foi feliz. 

Obrigada pelo carinho de todos. SEMPRE!



















=ˆ-.-ˆ= 



 

13 comentários:

Anna Lucia disse...

Puxa, não sabia que a Ipanema tava dodoizinha!
Então daquela vez q ficou internada era isso?????
Puxa, eu entendo você e pôxa, tomara que a Ipanema melhore e que a doença não seja essa!
Ela sente dores?
Beijocas para vc e muitos carinhos na barriga e na cabecinha da Ipa.

Cat e Ju disse...

Sei tão bem tudo o que dizes! Eu amo gatos, tenho duas. Uma delas, a Caju, fui buscar a uma associação de animais de rua e aconteceu a mesma coisa que tu descreves. Ia buscar um bebé, mas quando dei de caras com aquela bola de pêlo branca, toda enrolada, a tremer de medo, soube que era ela que eu ia levar! É o bichinho mais meigo do mundo, um amor! Os gatos são sim animais extremamente carinhosos e leais. Espero sinceramente que a Ipanema seja feliz e que não sofra muito com essa doença. Ela com certeza tem muita sorte em ter uma dona como tu, a carinha dela na foto já diz tudo! Muito bom saber que existem pessoas como tu, Júlia! Bjão

Satya disse...

Puxa Bolsinha, eu sou sua seguidora silenciosa, mãe de cinco gatinhos, um deles portador do vírus da leucemia felina. (FELV)
Que bom que vcs se encontraram e a Ipanema pode ter uma vida cheia de amor e carinho.

Carolina disse...

A Ipanema é tão linda!!! É tão bom existir pessoas como você, como nós porque eu também adotei um gatinho ontem hehe, que se dedica a cuidar de um ser que muitos nem dão a minima!!

Pode ter certeza que ela é muito feliz e agradecida por tudo o que você faz por ela!! E que Deus dê saúde para que a Ipanema continue sobrevivendo a doença que ela tem!!
Bjãooo :)

Canil Von Junges disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cici Dantas disse...

A Ipanema é uma criatura de Deus que encontrou um anjo para protegê-la aqui na Terra.
Melhoras pra Ipanema e uma abraço bem apertado em você minha linda! Tenha fé e tudo vai dar certo!
Bjs

Marina disse...

Sou sua seguidora a algum tempo e adoro seu blog, não sou muito de comentários mas esse post mereceu um. Eu te entendo muito, sou apaixonada por animais e já tive uma gatinha. Ela iluminou muito a minha vida durante mais de 10 anos e foi muito especial esses anos que ela passou comigo. Adoro lembrar dela. Sorte nessa luta de vocês duas.

Marina

Fulana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana Beatriz disse...

Eu nunca vi a sua história com a Ipanema. Você encontrou ela perdida na rua? Linda história de amor *__*

Tenha fé mesmo!Ela tem força! :)

Bjoo e tô na torcida pela Ipanema!

Mila Bomtempo disse...

Ô Ju! Eu sei mto bem o que você está passando...
Há mais ou menos uns 10 meses eu perdi o amor da minha vida, minha 'filha de cachorro', e sei que dói demais não poder fazer muita coisa pra eles se sentirem melhores quando estão doentes.
A Brida estava doente fazia mais de 6 meses e a gente não descobria o que ela tinha. No último final de semana de vida ela teve um monte de convulsões (algumas só comigo lá do lado dela), tudo de uma vês, foi operada e descobrimos que ela estava com câncer, mas não sabemos nem a abrangência dele, porque ela não aguentou... (o intestino dela já estava completamente comprometido)
Depois que ela morreu as pessoas só me falam pra eu não arrumar mais animal de estimação, porque a gente apega demais, porque a gente sofre demais... mas só quem ama eles como a gente ama sabe como eles são importantes na vida da gente.
Eu e a Brida nos escolhemos também. E só Deus sabe como ela foi e é importante na minha vida até hoje.
Mas eu não vou deixar de ter meus milhões de cachorros porque me apego... porque o apego que eu tenho com eles é o que me conforta!
Hoje já tenho o Gohanzinho, que é meu cachorro de 'casa nova'! Ganhamos ele da minha sogra, que tem uma poodle q cruzou com um maltês! Ficou a coisa mais linda! Estamos apaixonados por ele e temos certeza que ele vai nos trazer mtas felicidades e boas energias!

Te desejo muita força e muita coragem!
Aliás, sobre coragem, eu te digo: não se preocupa porque se precisar, qdo precisar, você vai ter muito mais força e coragem do que você imagina, viu? A gente pensa q não vai dar conta, não vai ter força pra cuidar, mas a gente tira de onde não tem, pode ter certeza!
Acho que o amor faz isso!

Dá um bejo na Ipanema pra mim e um abraço e um beijo enorme pra vc tb!

lala1428 disse...

oi Júlia ,sou veterinaria e acabei de perder um paciente com insuficiência renal crônica ,amo minha profissão mas ainda é duro aceitar que às vezes não há cura para uma doença e que eles tenham que enfrentar tanto sofrimento ...o mais importante é o amor da família ,eles sempre sabem quando a gente está fazendo o possível para aliviar suas dores... grande beijo e muita força pra vcs.

Juliana Spitz disse...

Sei bem o que você está falando. Há mais ou menos um ano apareceu um minusculo gatinho na porta da minha casa, virou meu companheiro e sou louca por ele! Tem gente que não entende tanto amor, mas é difícil não se apegar a um ser tão carinhoso... ela vai ficar bem! Tenha fé!

isabella M. disse...

Torcendo muito pela Ipanema! Muiiito <3